top of page

Arraiá de LEM bate recorde de público; 160 mil pessoas nos cinco dias de festa

Luís Eduardo Magalhães

Consolidado como o maior festejo junino da região oeste da Bahia, o Arraiá de LEM bateu recorde de público na sua terceira edição, após contabilizar a passagem de mais de 160 mil pessoas durante os cinco dias de festa.


De acordo com a Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, o dia com maior fluxo de pessoas foi o domingo (30), com a atração mais aguardada da programação, o “Embaixador” Gusttavo Lima, que atraiu uma multidão de 55 mil pessoas. O Arraiá de LEM aconteceu entre os dias 28 de junho e 2 de julho.


Atrações como o Nadson O Ferinha, Vitor Fernandes, Dorgival Dantas e Tarcísio do Acordeon também levaram milhares de pessoas ao espaço de 48 mil metros quadrados, montados especialmente para a festa.


O prefeito Junior Marabá comemorou o evento. “A festa foi impecável do ponto de vista de um evento público. Levou entretenimento para as pessoas e incrementou a economia do município. Isso para mim fica ainda melhor, quando acrescentamos o fato de não ter havido nenhuma ocorrência médica ou policial grave. Tudo aconteceu dentro da maior paz. Estou feliz com o resultado da festa”, disse o gestor do município.


Saúde durante a festa


Apesar do público recorde, a festa, segundo a administração municipal, aconteceu com números muito baixos de ocorrências médicas e de segurança. “Tínhamos a missão de dar uma atenção especial para a saúde durante a festa. Definimos junto com o prefeito a instalação de duas unidades médicas, com duas ambulâncias, sendo uma delas uma UTI Móvel, além de dois médicos com equipes montadas em locais estratégicos, para caso houvesse necessidade de atendimento em locais de maior aglomeração”, disse o secretário da Saúde, Pedro Henrique Ribeiro, ao acrescentar que “nossas ocorrências mais frequentes estavam no excesso de consumo de álcool. Alguns passaram da conta”.


Segurança integrada


“A festa aconteceu dentro da normalidade de um evento do porte que foi apresentado. As forças de segurança trabalharam juntas e de forma preventiva. Isso gerou um clima de tranquilidade para a festa. Tivemos 20 câmeras espalhadas em todo o circuito. Contamos com cerca de 350 profissionais de segurança, entre pública e privada, além da presença da Polícia Militar, Guarda Municipal, Bombeiro Militar, Bombeiro Civil e SUTRANS. Para nós foi muito positivo o resultado do evento”, disse o secretário municipal de Segurança, João Paulo.


Geração de renda


Segundo a Prefeitura, um dos principais objetivos do evento foi a geração de empregos e renda para o município. “Tivemos 167 barraqueiros e ambulantes na área da festa e foram gerados mais de 3 mil empregos diretos e indiretos. São pessoas que aguardaram o ano inteiro para montar seus espaços de vendas de alimentos, bebidas e serviços. Ainda não fechamos números finais, mas estamos otimistas com um crescimento de cerca de 30% com relação ao ano passado, chegando na casa dos R$ 25 milhões”, comemorou o secretário Gilson Sena.


1 visualização0 comentário

Comentários


bottom of page